quinta-feira, 14 de abril de 2005

Olha agora.

Querem ver que estou perto de pela primeira vez na vida comprar um livro de poesia? Sem grandes defesas ao argumento eu-não-leio-poesia, encontro nos últimos tempos uma excelente rúbrica do José Mário Silva do bde - 'Um landay por dia', frases de uma construção tão simples (na tradução) e com um conteúdo tão, deculpem-me a palavra mas é mesmo esta, belo. Ok, bonito. E lá vou eu à procura d'A Voz secreta das mulheres afegãs - o suicídio e o canto', da Cavalo de Ferro.