sexta-feira, 24 de junho de 2005

- Obrigado, obrigado. – Disse, com as mãos a estrangularem-se e os olhos no céu do quarto.

- Meu Deus, muito obrigado por tê-lo feito leitor e heterossexual.