terça-feira, 30 de maio de 2006

Media criativa.

Ontem ao chegar à gare de comboios em hora-de-ponta, ouvia gritada e insistentemente a frase 'Está quase a andar...está quase a andar'. Era um vendedor de lotaria.