sexta-feira, 18 de maio de 2007

Eu não queria...

Mas a pequena Maddie, como muito bem observou José Júdice no Eixo do Mal do passado sábado, onde dizia que a imprensa portuguesa adopta causas e nomeia-as: não é a Maddie, é a pequena Maddie, não tarda muito e tem uma linha de merchandising. Já faltou menos para andarmos a beber café em canecas com a Maddie lá estampada.