sexta-feira, 27 de julho de 2007

Parece-me uma óptima razão.

Interrompo a modorra estival para, no rescaldo do concerto de Aimee Mann no Coliseu (competentíssimo, banda razoável com alguns bons momentos, Aimee Mann de uma timidez fria e quente, e canções arrebatadoras, fabulosas, perfeitas), recordar o motivo invocado por Paul Thomas Anderson para a escolha da cantautora para dar música ao seu inacreditável "Magnolia": "Because she's so fucking cool".