quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

PSI 30 (anos depois).

Em meados dos 70's, o casal fundador da Galeria 111, ali para os lados do Campo Grande, tentou explicar a meio mundo que os primeiros esboços significativos de Paula Rego eram mais do que pareciam. Ou seja, comprar um Paula Rego nessa altura era coisa para dois contos e quinhentos. Hoje, foi vendido pela Sotheby's o belíssimo "Uivando", pela módica (e "guinessiana") quantia de 740.599€. Para todos aqueles preocupados com a iminente (e real) crise económica vigente e vindoura, quantos não gostariam de, quando o punk estava prestes a estoirar no Reino Unido, ter gasto dois contos e quinhentos de forma diferente?

Yes she can.

terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

A credibilidade por aqui é assim:

nem para acabar, este blogue serve. Ou seja, somos demasiado preguiçosos para findar isto.

Siga a marinha, que o exército está cansado.

Fim 2

À semelhança daquilo que acontece em Portugal com a prata da casa, o grande problema de Timor são os Timorenses.

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

Fim.

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2008

Freud, explica lá isto.

A Maria Filomena Mónica, o Marcelo Rebelo de Sousa e o Rogério Alves (ex-bastonário da Ordem dos Advogados, entre outras coisas, para além do ar um bocado apatetado) viviam os três juntos, na mesma casa, em regime trisal. A casa ficava ali para os lados de Alvalade, era um T4 com bom gosto, mas com uma sala pequenina. A Maria Filomena (Mena, vá) foi extremamente amável e maternal e o Rogério era fanático por fotografia, tendo uma colecção de lentes (uma grande angular, inclusivé) bastante razoável. O Marcelo lia, sentado num cadeirão. Bebi um chá e saí, estava ainda de dia e lembro-me de ter passado uma tarde muito agradável.
O mais grave, digo eu, não é ter tido este sonho: é não ter a certeza se foi um pesadelo.